Tese – Alimentação no Brasil Imperial: Elementos para um Estudo de Questões Dietéticas, Químico-Médicas e da Fisiologia do Gosto, de Cristiana Loureiro de Mendonça Couto (2011)

Mais uma sugestão,

Ainda não li, mas achei bem interessante o tema desta tese de doutorado Alimentação no Brasil Imperial: Elementos para um Estudo de Questões Dietéticas, Químico-Médicas e da Fisiologia do Gosto, de Cristiana Loureiro de Mendonça Couto (2011).

Para ler a tese: clique aqui

Da Página no Facebook, El Cocinero Loko

(recomendo essa página, tem muitos assuntos interessantes, do mundo Gastronômico)

“A inovação não diz respeito apenas a novas tecnologias. Inovação é uma nova maneira de pensar, de buscar soluções para novos dilemas,
Inovar também é conhecer como se alimentavam nosso povo, num Brasil Imperial, o trabalho de Cristiana Couto, “Alimentação no Brasil Imperial:Elementos para um Estudo de Questões Dietéticas, Químico-Médicas e da Fisiologia Do Gosto”
busca compreender os hábitos alimentares no Rio de Janeiro, durante o Império (1822-1899), a partir de discussões sobre a ciência, suas relações com a
alimentação no período e suas implicações nas questões que envolvem o gosto e a gastronomia.
A análise dos textos produzidos no período, como teses médicas da Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro (a partir de 1832), livros de cozinha brasileiros, portugueses e franceses (séculos XVIII e XIX) e tratados sobre o gosto e a gastronomia
elaborados na França (século XIX) permitiu observar que as escolhas sobre aquilo que se deve ou não comer, para além do paladar, estão relacionadas a questões de higiene e
nutrição — estas últimas, estreitamente relacionadas a conhecimentos químicos.”

 

* Ela também tem um livro, que pretendo comprar e ler:

Arte de cozinha: alimentação e dietética em Portugal e no Brasil (séculos XVII-XIX)“, Cristina Couto (2007)

tese

Abraços,
Sara
Anúncios

Entrevista – Alex Atala: “gastronomia é colocar o ingrediente no seu melhor momento”

Bem interessante,

Entrevista do Alex Atala: “gastronomia é colocar o ingrediente no seu melhor momento“, durante o Tast of  São Paulo.

Para ler a entrevista: clique aqui

Site do Tast of SPclique aqui

Receitas do evento Tast of SP: clique aqui

ALEX_ATALA_PALESTRA_TASTE_OF_SAO_PAULO_2017_4

Imagem: site do Infood

Do site Tast of SP,  um pouco sobre o Chef Alex Atala 

Chef responsável pelos restaurantes do Grupo D.O.M e ministrará a palestra Repensando nossas conexões com o alimento, no Auditório Taste

Sobre o chef

Com os pés fincados em suas raízes e os olhos voltados para o futuro, Alex Atala é acima de tudo um apaixonado. Pelo Brasil, pela natureza, pela gastronomia, pela vida. Movido por desafios e um grande sentimento de indignação, Atala consegue com extrema delicadeza e técnica transformar essa energia criativa em experiências inesquecíveis para quem tem a oportunidade de provar suas invenções. Seu foco é explorar todas as possibilidades gastronômicas dos ingredientes nacionais, aliando as bases clássicas às técnicas atuais. No entanto, com arrojo e visão, Atala supera as fronteiras da cozinha e atua como cidadão responsável, valorizando o pequeno produtor, incentivando jovens profissionais e apoiando projetos de terceiro setor.

Sob influência familiar, foi na infância que Alex Atala teve seu primeiro contato com a região amazônica. Aos 19 anos, na escola de Hotelaria de Namur, na Bélgica, Atala iniciou sua carreira como cheff. Na França trabalhou no restaurante Jean Pierre Bruneau e estagiou no renomado Hotel de la Cote D’Or. Em seguida partiu para novos desafios em cozinhas de Montpellier e Milão.

De volta a São Paulo em 1994, logo chamou atenção por seu desempenho à frente dos restaurantes Filomena e 72. Em 1999, iniciou sua carreira de chef-proprietário no aclamado Namesa. No mesmo ano, inaugurou o D.O.M. Restaurante e também uma nova era para a gastronomia brasileira, na qual os ingredientes e a cultura alimentar de seu país são protagonistas em uma cozinha vanguardista, sofisticada e sempre surpreendente.

 

Abraços,
Sara

CARTILHA DO SOLO COMO RECONHECER – E SANAR SEUS PROBLEMAS, Ana Primavesi e MST (2009)

Boa Tarde

Segue a CARTILHA DO SOLO COMO RECONHECER – E SANAR SEUS PROBLEMAS, de Ana Primavesi e Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST, 2009).

Para baixar: Cartilha Inspeção do solo – Ana Primavesi

capa.bmp

Abraços,
Sara

 

Espécies Nativas da Flora Brasileira de Valor Econômico Atual ou Potencial Plantas para o Futuro – Região Centro-Oeste

Essa publicação é do Ministério do Meio Ambiente (MMA, 2016: Espécies Nativas da Flora Brasileira de Valor Econômico Atual ou Potencial Plantas para o Futuro – Região Centro-Oeste, editores Roberto Fontes Vieira, Julcéia Camillo e Lidio Coradin.

Para baixar: MMA_Plantas-Para-Futuro_Regiao-CO_2016

plantas-futuro-co

Abraços,
Sara

20 Plantas para plantar na Horta Orgânica (CAMPOS, ImGrower)

Segue mais uma publicação sobre as PANCs: 20 Plantas para plantar na Horta Orgânica, de  Thiago Tadeu Campos, ImGrower.

Para baixar: e-book-20-pancs-para-plantar-na-horta-orgânica-imgrower

Boa Leitura!

capa-pancs-imgrower.jpg

Guia Prático sobre PANCs: Plantas Alimentícias Não Convencionais (Inst. Kairós, 2017)

Boa Tarde

Segue mais uma publicação sobre as PANCs: Guia Prático sobre PANCs: Plantas Alimentícias Não Convencionais, do Instituto Kairós, Coordenação Guilherme R. Ranieri, 2017.

No início, tem uma lista de perguntas sobre o tema, com as respostas, bem interessante. Depois segue a lista de espécies com fotos e informações sobre cada uma.

Para baixar: Cartilha-Guia-Prático-de-PANC-Plantas-Alimenticias-Nao-Convencionais

capa-guia-pratico

Abraços,
Sara

PANC: Brasil tem mais de 5 mil plantas comestíveis (Jornal A Voz da Serra)

Boa Tarde,

Segue uma sugestão de leitura,

Reportagem interessante sobre as PANCS (Plantas Alimentícias Não-Convencionais), postada no dia 17/02/2017, no Jornal A Voz da Serra. Imagens e texto retirados da reportagem.

Link da reportagem: clique aqui

valdelyr-knupp_0 Valdely Kinupp (Foto: Jornal A Voz da Serra)

Abraços,
Sara

Livro EMBRAPA: Noções morfológicas e taxonômicas para identificação botânica (Martins-da-Silva etal, 2014)

Boa Tarde,

Segue mais uma publicação da EMBRAPA, bem didático, layout lindo: Noções morfológicas e taxonômicas para identificação botânica.

Noções morfológicas e taxonômicas para identificação botânica / Regina Célia Viana
Martins-da-Silva … [et al.]. – Brasília, DF : Embrapa, 2014.
111 p. : il. color.
ISBN 978-85-7035-332-0

Para baixar:Embrapa_Livro-Identificacao-Botanica

Ou clique aqui

capa

Um Bom Final de Semana!
Abraço,
Sara

Livro: Plantas Medicinais nos Biomas BRA (EMBRAPA, 2010)

Olá

Segue mais uma publicação disponível para download (baixar), de forma gratuita, sobre plantas medicinais: Plantas Medicinais nos Biomas Brasileiros (EMBRAPA, 2010).

Sem título

Fonte: clique aqui

Para baixar diretamente o pdf: EMBRAPA_2010_plantasMedicinaisnosBiomasBrasileiros2

Abraços,
Sara

Livro da Flora Medicinal da Colômbia: “Los Secretos de Las Plantas”

Boa Tarde,

Segue o livro “Los secretos de las plantas: 50 plantas medicinales en su huerta“, da Fundación Secretos para Contar. É um livro sobre a Flora Medicinal da Colômbia, bem didático, com imagens, usos medicinais e alimentares.

Para baixar:los_secretos_de_las_plantas ou aqui (abre pdf)

Sem título

Abraços e boa leitura!
Sara